domingo, 4 de dezembro de 2016

Adultério



Mudei e cresci
deixei a meninice
adulterei-me
no fim da metamorfose percebi que era noite
cansado
deitei-me no leito que um dia foi amor
e hoje é paz

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Dança Profana


Música para embalar a noite
Mãos quentes em teu quadril
As suas aranham minhas costas
Rostos colados
Minha língua percorre o seu corpo
Safado,
Molhado!
No compasso de seus lábios
Penetro seu mais fundo desejo
Perdemos o pudor, o juízo.
Perfeita alquimia de corpos
Vai e vem ritmado
Um geme
O outro delira
Volúpia
Acordes acelerados ecoam
Mudamos a coreografia
Alteramos o tom
Ao toque do último e mais belo acorde
O gozo!
Corpos caídos no chão
Prazer
Dois corpos marcados
Eternamente

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Outra Vez

Outra vez o silencio
arma de quem sente
outra vez tiro
solução inconsciente
outra vez sangue
a criança padece
inocentes derramam sangue
outra vez acontece
onde deveria começar a vida
o cheiro da morte entontece

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Nossa Cama


Enquanto o Sol não vem
aqueço-me com o resto que ficou
Do calor do seu abraço
guardo o cheiro da sua pele
O gosto agridoce do seu corpo
que sinto ao cair da noite
Nesta cama que foi nossa
e agora é jazigo
triste

segunda-feira, 28 de março de 2011

Especial


Teu jeito menino de mencionar uai, é lindo!
Na poesia procurando uma reação, que me pareça plural.
Porque cada frase é singular.
Significativos momentos e metáforas.
O lugar das tuas passadas e olhos de amizade preciosa.
Ás vezes muito sério, mas inunda de ternura.
Gosta de poesia, de flores, é natureza.
Aberto a alcances
Tudo como canção
Esse é meu amigo Jão.

Presente da querida amiga Fernanda, preciso nem dizer que ela já é especial né. Obrigado viu moça, suas palavras chegam como alento.

quarta-feira, 23 de março de 2011

Menina que Sonha


Não pediu pra vir ao mundo
não queria aquele quarto imundo
seguiu seu coração de criança
fugiu pra escapar da vizinhança

Chuva, frio e solidão
sempre com os pés no chão
alma leve de passarinho
voou sobre as barreiras do caminho

No lugar do coração duro
um lindo sorriso puro
criança, menina, mulher
sonhos lindos, garota de fé

Ontem em uma conversa com a amiga Fernanda, ela me contou um pouco sua história e confesso que fiquei encantado. Superação, força de vontade enorme para poder viver. E sempre com um sorriso no rosto, uma força gigante no peito. Exemplo de vida, de como seguir bem o caminho. Só tenho que agradecer a ela por ser assim tão especial e por ter entrado assim tão inesperadamente no meu caminho.

terça-feira, 15 de março de 2011

Arriscar-se


Meu tempo é curto para frases feitas
Discursos ensaiados
Riscos calculados
E amores remendados

Tudo que é diferente de intenso
Não me interessa agora
O medo não mais me apavora
Os covardes eu mando embora

Não me contento com pouco
Busco a simplicidade da flor
E a imensidão do amor
No caminho sou trovador

Sou feito um bom equilibrista
Quero sempre adrenalina
O risco é nossa gasolina
E o marasmo é morfina

Ps. O risco é parte fundamental da evolução. Se o ser humano não tivesse arriscado o primeiro passo não teria chegado a lua. Aos covardes deixou meu adeus, pois estou indo ser feliz. A temporada das flores ainda está aberta.


terça-feira, 8 de março de 2011

Mulher



 Mulher é um presente
Faz-se presente
No primeiro raio de vida
Na hora da partida

Mulher é uma contradição
Se deixa contradizer
Com um poder atuante
E uma ternura acalante

Mulher é flor rara
Um colo que ampara
O dom da vida em seu ventre
Amor incondicional, sempre